Carne de Frango: Desempenho das UFs exportadoras no 1º quadrimestre de 2014

27/05/2015

Os três estados da Região Sul, embora obtendo resultados diferentes (o volume exportado pelo Paraná aumentou 14%; o do Rio Grande do Sul recuou quase 6,5%; e o de Santa Catarina aumentou 2,2%), continuam liderando isoladamente e à distância as exportações brasileiras de carne de frango.

No primeiro quadrimestre de 2014 embarcaram, em conjunto, 919.656 toneladas do produto, o que significou aumento de 4,6% sobre o mesmo período de 2013. Com isso, responderam por 73,02% do total exportado no período, resultado que, comparativamente a idêntico período de 2013, significou aumento de participação de 3,01 pontos percentuais.

Quem também registrou ligeiro aumento de participação foi a Região Sudeste (11,58% do total, +0,74%), resultado para o qual colaboraram apenas São Paulo e Espírito Santo, já que Minas Gerais, terceira unidade federativa a exportar na Região, apresentou recuo no volume exportado.

As outras três Regiões fecharam o quadrimestre com resultado negativo. A queda foi de 11% no Centro-Oeste (entre as quatro UFs da Região, só o Mato Grosso do Sul aumentou o volume exportado) e de mais de 20% no Norte e Nordeste.

Quanto à receita cambial, nenhuma das cinco Regiões obteve resultado positivo e o efeito foi uma queda de 11% no resultado global, US$300 milhões a menos que no primeiro quadrimestre de 2013. Mais de 90% dessa redução se concentrou no Sul e no Centro-Oeste, Regiões em que a perda de receita ficou, respectivamente, em US$173 milhões e US$100 milhões. 

27/05/14 - Fonte: AviSite.


Compartilhe